NOVO ANO

Novo “ano” dos PMs de Cristo chega com expansão da capelania, benefícios para os associados e nova sede administrativa
 
O mês de comemoração do aniversário de 29 anos de fundação da Associação PMs de Cristo está terminando, e o novo ciclo chega repleto de muita expansão.
 
Traz, por exemplo, a consolidação de um dos programas mais fortes da entidade, o Projeto Polícia e Igreja, que está saindo do Estado de São Paulo, chegando a outros estados e também entrando em outras corporações, como as Guardas Civis Metropolitanas de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista e da própria capital.
 
O Projeto Polícia e Igreja já formou duas turmas de capelães voluntários no curso próprio – 650 pessoas -, e está com inscrições abertas para mais um curso que ocorre no fim de julho.
 
“O Projeto Polícia e Igreja é o coração da Associação PMs de Cristo. A nossa missão é levar a palavra de vida e de esperança ao policial militar. Fazemos a diferença, ajudando a segurança pública a ter um profissional mais estruturado, mais equilibrado, mais sereno e mais calmo”, relata a Pastora Dirce Shirota, coordenadora do projeto e capelã dos PMs de Cristo.
 
Dez minutos são reservados aos capelães, que levam a palavra e uma oração aos militares, no momento em que o comandante está dando as instruções à tropa. “Os policiais já saem do quartel com a palavra no coração e, durante o dia, na viatura, conversam e meditam sobre a palavra que lhes foi dada. Isso tem sido um alento a eles, que têm uma rotina estressante”, prossegue Shirota.
 
O Major PM Joel Rocha, que foi presidente da Associação PMs de Cristo por três gestões e sempre trabalhou com voluntariado, endossa as palavras da Pra. Dirce Shirota e reforça que a instituição age neste sentido: de ser o apoio, o alento, a paz, a força para dos policiais militares, por meio da capelania voluntária.
 
 
“O policial militar lida com as piores mazelas da sociedade e, ao mesmo tempo, se depara com a singeleza da realização de um parto. Esse profissional é levado a extremos muito profundos e precisa estar preparado emocionalmente e espiritualmente para lidar com todas as situações. Toda a vez que alguém chama a polícia está em situação extrema e o policial precisa estar centrado para atender bem a ocorrência. Mas é relevante lembrar que aquele que cuida de todos precisa de cuidados”, enfatiza o Major PM Joel Rocha.
 
Os capelães atuam também no aconselhamento individual dos agentes e fazem visitas ao militar com algum problema. “Existem casos em que os comandantes nos procuram para que ofereçamos atenção especial a alguns militares. Por exemplo, já fomos chamados por um comandante para que visitássemos uma policial que estava falando muito em suicídio. O comandante sabe das dificuldades pessoais da tropa, e nos pede auxílio. Levamos uma palavra de esperança e de conforto, e isso muda totalmente a vida do policial militar que enfrenta uma fase difícil”, lembra a pastora Dirce Shirota.
 
Nova Sede Administrativa
 
A sede administrativa da Associação PMs de Cristo vai mudar! O novo endereço é Rua Pedro Vicente nº 326.
 
De acordo com o Cel PM Terra, presidente dos PMs de Cristo, não se trata, ainda, de uma sede própria, mas está extremamente bem estruturada!
 
A mudança de sede irá permitir melhor atendimento dos policiais militares, e aos mais de 1.400 associados. Também possibilitará gerenciamento, coordenação e expansão de forma mais efetiva de todos os programas que fazem parte do escopo da instituição, no Estado de São Paulo, especialmente o de capelania voluntária; e trará condições de a entidade realizar uma mudança organizacional de gestão pela qualidade.
 
Essa alteração organizacional passa também pela criação de um departamento de benefícios sociais aos associados. “Estamos fechando esses benefícios e divulgaremos aos policiais militares todos os detalhes nos próximos dias, assim que tudo estiver acertado, mas posso adiantar que teremos benefícios na área educacional, jurídica e em outras áreas”, adianta o Cel PM Terra.
 
Segundo o Cel PM Terra, o mais importante a ser destacado ao longo com esses 29 anos da Associação PMs de Cristo é a importância do programa Polícia e Igreja, que leva a fé e a cultura de paz à corporação, e, por consequência, às famílias dos agentes e também à sociedade civil, trabalhando para que todos tenham melhor qualidade de vida. “Estamos muito felizes e agradecidos a Deus por tudo isso, pela nova sede, pela possibilidade de ampliação dos nossos trabalhos e por ter a oportunidade de contribuir para a melhora da saúde geral dos nossos homens e mulheres, de suas famílias e dos civis”, finaliza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: